“Ou muda radicalmente ou vai de patins”. Não há Costa que escape aos professores

“Ou muda radicalmente ou vai de patins”. Não há Costa que escape aos professores

O ministro da Educação, João Costa, e o primeiro-ministro, António Costa, são visados nas críticas do Sindicato de Todos os Profissionais da Educação (STOP). O coordenador do STOP afirmou esta segunda-feira em Setúbal que o ministro da Educação vai ter de alterar a sua postura para com os professores sob pena de ter de abandonar o cargo. “O ministro [da Educação] tem, de facto, de mudar radicalmente a sua postura. Ou então acho que vai de patins”, disse André Pestana, que falava aos jornalistas durante mais uma concentração de protesto dos professores, na Praça do Bocage, em Setúbal. “Eu acho