Marcelo encontra “indefinições” na eutanásia e manda lei para o TC. Partidos irritados

Marcelo encontra “indefinições” na eutanásia e manda lei para o TC. Partidos irritados

Entre os partidos existe o sentimento crescente de que os entraves e as dúvidas colocadas não passam de desculpas para atrasar a aprovação da lei. Era um cenário que muitos viam como provável, ainda que com esperanças de que Marcelo Rebelo de Sousa não quisesse prolongar mais a discussão em torno do tema tão polémico e que reúne o apoio da maioria no Parlamento. Ainda assim, o Presidente da República não perdeu tempo e decidiu enviar o diploma que regularia a morte medicamente assistida para o Tribunal Constitucional, justificando-o com o argumento antigo: a necessidade de se definir melhor as