EUA. Dona de funerária condenada a 20 anos de prisão por vender partes de corpos

EUA. Dona de funerária condenada a 20 anos de prisão por vender partes de corpos

A proprietária de uma funerária no Colorado, Estados Unidos (EUA), foi condenada a 20 anos de prisão por enganar os familiares dos mortos e comercializar partes dos corpos. Segundo avançou a agência Reuters, Megan Hess, de 46 anos, dissecou mais de 560 cadáveres e vendeu partes dos corpos sem autorização, crimes que cometeu entre 2010 e 2018. Proprietária de uma funerária – a Sunset Mesa -, tinha no mesmo edifício um outro negócio, Donor Services. A mulher e a mãe, Shirley Koch, de 69 anos, declararam-se culpadas de fraude em julho. Era esta última que cortava os corpos. Foi condenada