Dino D’Santiago apela à criação de um novo hino nacional

Dino D’Santiago apela à criação de um novo hino nacional

Dino D’Santiago considera que o atual hino português é demasiado bélico e pede um hino que “incentive menos às guerras”. O cantor Dino D’Santiago atuou, esta sexta-feira, na Grande Conferência comemorativa dos 50 anos do Expresso. No final da performance, o artista propôs que se altere o hino nacional. No palco do auditório da Fundação Champalimaud, em Lisboa, Dino D’Santiago chamou-lhe um “desafio bom a pensar nos nossos filhos”. “A nossa geração, este nosso tempo, já é um tempo de termos um hino menos bélico, que incentive menos às guerras. Não gritemos mais ‘às armas, às armas’ e não marchemos