Ajustes diretos com arguido da Operação Vórtex. Escândalo em Espinho chega a Montenegro

Ajustes diretos com arguido da Operação Vórtex. Escândalo em Espinho chega a Montenegro

A Operação Vórtex, que investiga diversos crimes económicos no seio da Câmara Municipal de Espnho, traz à tona casos relacionados com Luís Montenegro. O presidente da Câmara de Espinho, Miguel Reis, foi esta terça-feira detido pela Polícia Judiciária, no âmbito de uma investigação por diversos crimes económicos alegadamente cometidos no licenciamento de obras. Foram ainda detidos vários empresários, alguns ligados à área da construção civil. Miguel Reis, autarca de Espinho eleito pelo PS; José Costa, chefe da divisão de Urbanismo; João Rodrigues, arquiteto do gabinete JRCP; e dois empresários do setor da construção e imobiliária foram detidos ontem. Também o