• O Estado não obriga as escolas a reciclar. Devia fazê-lo?

    25 Outubro 2019 Em algumas escolas do país a separação é feita há mais de 20 anos, noutras faltam meios para se atingir esse fim. Ambientalistas defendem que é preciso criar um plano nacional./> Público »

  • Protesto encerra escola na Damaia. Alunos e professores contra amianto e violência

    25 Outubro 2019 Sindicato de Todos Os Professores tem novo protesto marcado para a próxima semana. Correio da Manhã »

  • Aluna agride professora em escola de Castêlo da Maia

    25 Outubro 2019 Docente terá pedido ajuda para arrumar o material e a jovem de não terá gostado do pedido. Correio da Manhã »

  • Aluna agride professora em escola no concelho da Maia

    25 Outubro 2019 i Online »

  • Pais e alunos protestam à porta de escola em Queluz após agressão a professor

    24 Outubro 2019 Estabelecimento de ensino esteve em funcionamento apesar da manifestação. Correio da Manhã »

  • S.TO.P convoca greve contra violência nas escolas

    24 Outubro 2019 Na última semana ocorreram várias situações, como o caso do professor que alegadamente agrediu um aluno e de professores e funcionários agredidos por alunos em ambiente escolar. Renascença »

  • Ministério repudia agressões nas escolas e fala em casos "residuais"

    23 Outubro 2019 Nos últimos dias vieram a público vários casos de professores agredidos por alunos e um caso, em Lisboa, de um docente que agrediu um aluno dentro da sala de aula. Correio da Manhã »

  • Em Linda-a-Velha. Professora agredida por aluno

    23 Outubro 2019 /> Uma professora foi agredida por um aluno de 14 anos numa escola secundária em Linda-a-Velha. Teve que ser transportada para o hospital com ferimentos ligeiros. É o segundo caso de violência em ambiente escolar em apenas 24 horas. RTP »

  • Sindicato dos Professores da Grande Lisboa condena agressão a professor de escola em Queluz

    23 Outubro 2019 Funcionário foi agredido por um familiar de um aluno e precisou de receber tratamento hospitalar. Correio da Manhã »

  • Aluno de 14 anos agride professora à cabeçada em escola de Linda-a-Velha

    23 Outubro 2019 Incidente aconteceu na Escola Básica e Secundária Amélia Rey Colaço. Correio da Manhã »

  • Professora agredida com cabeçada por aluno de 14 anos em escola de Linda-a-Velha

    23 Outubro 2019 i Online »

  • Associação de professores repudia violência, mas diz que é preciso ouvir docente acusado de agressão

    23 Outubro 2019 Correio da Manhã » RTP »

  • Nunca se contraria o cabeleireiro

    22 Outubro 2019 >/>Desde puto que não gosto de ir ao cabeleireiro. Sim, vou ao cabeleireiro e não ao barbeiro até porque a barba faço em casa. Ir ao cabeleireiro é a prova de que o contexto é importante em tudo. Em que outra situação é que seria normal alguém lavar-me o cabelo como se eu fosse ou um rei da antiguidade ou o meu avô entravado? Mais, normalmente é um homem que me lava a cabeça e a situação é toda um bocado estranha. Não sei bem a etiqueta. Posso fechar os olhos e aproveitar a massagem ou depois disso vou querer ir ao IKEA escolher cortinados e ir ao brunch todos os domingos? Não sei.Isto começa logo mal porque eu até lavei o cabelo em casa – ontem, é certo – mas deviam apenas borrifar-me para amolecer e não passar champô trinta vezes mesmo a dizer-me que estava sujo que nem um mineiro. Além disso, esta parte da lavagem é desconfortável fisicamente, estamos ali naquela poltrona, inclinados para trás com o pescoço todo torto naquele colar de loiça duro e há o momento em que ele nos pergunta se a água está boa.Nunca está. Está sempre fria ou a queimar o escalpe, mas um gajo aguenta e diz "está bom" porque nunca se contraria o cabeleireiro.Depois, vem a parte do corte e não sei se já pensaram nisso, mas nunca ficamos a olhar tanto tempo para a nossa cara como no cabeleireiro. Estamos ali meia hora, sentados a olhar para a nossa cara no espelho e começamos a descobrir imperfeições que nunca tínhamos visto:?"Olha, tenho um olho mais fechado do que o outro". Giro; "Xiii a minha pele está uma desgraça". Que engraçado. Um gajo que devia sair com confiança reforçada de um corte de cabelo novo, sai de lá a sentir-se velho e acabado.?Nisto, ele vai cortando o cabelo e eu penso sempre "E se eu precisar de espirrar? E se eu tiver daqueles espasmos musculares que às vezes temos mesmo quando ele me esta a acertar a patilha com a máquina e fico com uma autoestrada A0 de lado?". Esqueçam a queda livre, verdadeira adrenalina é ir ao cabeleireiro quando se está com tosse.Quando me estão a cortar o cabelo sou uma espécie de supervisor, atento a todos os movimentos e micro-expressões faciais do cabeleireiro. Há sempre alturas em que eu acho que ele fez merda e está em controlo de danos a tentar disfarçar. Talvez seja trauma porque quando era puto, tinha uns 6 anos, cortaram-me a orelha. Fizeram-me um corte na orelha, vá, não foi um corte à Van Gogh. Jorrou sangue e eu chorei, enquanto a minha mãe berrava com a cabeleireira que dizia que a culpa era minha porque me tinha mexido. Era uma criança de 6 anos, se não me mexesse era sinal que estava morto.No fim, podemos ter pedido só para aparar e o gajo passou pente zero na cabeça toda que não temos coragem de desafiar a autoridade dos cabelos. Ele faz aquela dança de ir buscar o espelho pequenino para nos mostrar a sua obra de arte numa vista de 360 graus e pergunta "Está bom?" e nós dizemos sempre "Sim, sim… está óptimo…", pagamos e vamos fechar-nos em casa durante duas semanas até não parecermos um caniche tosquiado por uma criança cega e maneta.***PS1: Podem ouvir esta crónica em formato áudio no podcast Por Falar Noutra Coisa, >neste link da Antena 3. Também disponível no iTunes, Spotify e essas plataformas todas.PS2: Relembro as últimas datas do meu espectáculo Só de Passagem:7 de Novembro -?Vila Real?-?>Clica aqui para bilhetes14 de Novembro?-?Évora?-?>Clica aqui para bilhetes15 de Novembro?-?Almada?-?>Clica aqui para bilhetes21 de Novembro?-?Covilhã?-?>Clica aqui para bilhetes23 de Novembro?-?Damaia?-?>Clica aqui para bilhetesObrigado a todos e ajudem a partilhar a mensagem./> Por Falar Noutra Coisa »

  • Fenprof atribui responsabilidade moral aos governos por violência nas escolas

    22 Outubro 2019 Posição da associação surge após o caso do professor que agrediu dois alunos de 13 anos numa escola em Lisboa. Correio da Manhã »

  • Processo de professor que terá agredido aluno em Lisboa "baixou a inquérito" - PSP

    22 Outubro 2019 Correio da Manhã »

  • MP avalia se avança com processo crime contra professor que agrediu aluno

    22 Outubro 2019 /> O Ministério Público vai avaliar se avança com uma acusação ao professor que insultou e agrediu um aluno do 8.º ano da Escola Rainha Dona Leonor, em Lisboa. RTP »

  • Pais manifestam-se em escola em Queluz depois de agressão a professor

    22 Outubro 2019 i Online »

  • Professor detido após agredir aluno em escola em Alvalade fica em liberdade

    22 Outubro 2019 i Online »

  • DIAP baixa processo de professor que agrediu aluno em Alvalade para inquérito

    22 Outubro 2019 i Online »

  • Fenprof felicita Ministério da Educação pela reação rápida no caso da agressão em escola de Alvalade

    22 Outubro 2019 i Online »

  • Ministério Público abre inquérito a alegada agressão de aluno pelo professor em escola de Lisboa

    22 Outubro 2019 Informação avançada pela PSP, um dia depois da detenção do docente. Renascença »

  • Aluno agredido por professor durante a aula

    21 Outubro 2019 /> Um aluno de 13 anos foi agredido por um professor durante a aula. O caso aconteceu na escola Rainha Dona Leonor, em Lisboa. O professor foi ouvido pelas autoridades e acabou por ser detido. RTP »

  • Professor agride aluno: excesso ou justificado?

    21 Outubro 2019 >/>Um professor agrediu um aluno do 8º ano durante uma aula. Dizem as testemunhas que tudo começou quando o aluno, depois de ter sido avisado, foi ao telemóvel outra vez. Nisto, o professor passou-se e disse "Dá cá o caralho do telemóvel, filho da puta" e como o aluno não largou o telemóvel o professor agarrou-o pelo pescoço e atirou com a cabeça dele contra uma das mesas. Fatality.Eu sei o que estão a pensar "Ser professor é muito desgastante e isto deve ter sido depois dele aturar muita coisa e passou-se". Não, foi no primeiro dia de aulas daquele professor naquela escola! Era uma aula de apresentação, nem estavam a dar matéria! Boss! Todos sabemos que os professores, nos primeiros dias de aula, têm de mostrar respeito, mas ser amigáveis, e têm de evitar situações constrangedoras para não ficarem com alcunhas para o resto do ano; que o diga a Queques, a Voz de Robô e o Pila Rota (não perguntem), meus professores do 7º ano. Se calhar foi por medo das alcunhas que este professor abordou o ensino do 3º ciclo como se fosse uma prisão, onde é preciso chegar e mostrar quem manda. O professor identificou o alfa da turma, que normalmente é o mais otário e que, por isso, é o mais popular, e fez-lhe uma manobra de wrestiling. Acham que alguém lhe vai dar a alcunha de caixa de óculos? Nada disso, o gajo vai ficar conhecido como o Mike Tyson.O mais estranho deste caso é que foi numa escola de Alvalade.?É que nas escolas onde eu andei, na Buraca e na Damaia, isto não era notícia, era uma segunda-feira normal, mas em Alvalade achei estranho. Pensava que as pessoas desta zona eram mais civilizadas e que resolviam os conflitos de outra forma que não a violência ou a linguagem obscena. Acho estranho o professor não ter desafiado o aluno para um duelo de esgrima ou uma corrida de cavalo com obstáculos.?Na escola primária onde andei, na Buraca, havia uma professora infame que tinha na sua posse a Dona Chiba. A Dona Chiba era uma régua de madeira com vários buracos para criar menos resistência ao ar e, assim, atingir uma maior aceleração e velocidade para que a energia cinética fosse maior, o que resultava num choro mais agudo da criançada que se portava mal e levava com ela no lombo. Já no?5º ano vi uma aluna a agredir um professor. Ele era meio deficiente porque tinha tido um acidente e ela era um pequenito diabo da Tasmânia que andava à porrada com gajos nos intervalos e que decidiu, depois de ser mandada para a rua, empurrar o professor e dizer "Você é um atropelado" antes de sair. O professor tentou ir atrás dela, mas era meio coxo e ela corria muito. Gritou umas cenas, mas ninguém percebeu muito bem porque a baba atrapalhou.Este acontecimento deu também para perceber que há uma distinção de tratamento por parte dos media. A notícia foi dada em muitos locais da seguinte forma "Professor agride criança em sala de aula de escola de Alvalade". Se o caso se tivesse passado na Damaia, garanto que a notícia seria "Jovem é agredido por professor depois de criar desacatos numa sala de aula de escola da Damaia". Se és de uma zona fina e tens 13 ou 14 anos, és uma criança, se és de uma zona com má fama, já és um jovem como quem diz que já devias ter mais juízo e portar-te melhor.Acho que as pessoas exageram ao criticar este professor de Alvalade. Atirar com a cabeça contra uma mesa é agressão violenta? Por favor, ainda se?fosse no meu tempo, em que as carteiras tinham farpas a sair e parafusos enferrujados. Hoje devem ser feitas de plástico reciclado e todas almofadadas nas quinas para os alunos não fazerem dói?dói?na zona do baço enquanto correm na sala de aula a experimentar métodos alternativos de ensino.?Antigamente, um aluno portava-se mal, chamavam-se os pais e o aluno apanhava em casa. E bem, que a porradinha nunca fez mal a ninguém se dada em doses homeopáticas e compensadas com amor e carinho. Hoje, os pais vêm às escolas e fazem queixa do professor que acusa o seu rebento de ser meio burro sem perceber que ele é especial e que tem diversidade intelectual e que só anda aos berros e aos saltos dentro das aulas porque é diferente e não mal-educado.?Os adolescente são um bocado insuportáveis, toda a gente reconhece isso, nem os pais gostam muito dos filhos quando estão nessas idades e pensam muitas vezes em como seriam mais felizes se o coito tivesse sido interrompido, mesmo que isso implicasse sujar os cortinados.Outra nota importante é o facto de a aula em questão ser de TIC - Tecnologias de Informação e Comunicação - e, por isso, o professor seria, muito provavelmente, informático. Não estou a dizer que desculpa, mas é atenuante. Toda a gente sabe que os informáticos têm traumas do bullying que sofreram na escola e que ao verem um puto armado ao pingarelho podem passar-se e usar os truques que aprenderam a jogar GTA. O professor não ter usado um bastão e roubado o telemóvel ao aluno fim, já foi uma sorte.Há quem se queixe que os professores só fazem greves e não querem trabalhar, mas afinal ainda há professores que trabalham mais do que as suas responsabilidades. Bater num aluno é fazer horas extra não remuneradas.?A minha mãe é professora e já foi ameaçada de agressão algumas vezes. Nunca abriu a cabeça a nenhum aluno, não que não tivesse vontade, mas porque é boa professora. Isto?é como a violência doméstica, não é que um gajo nunca tenha vontade de bater na namorada, mas simplesmente não se faz.?Agora, acho que se um professor for agredido fisicamente, não deve enrolar-se em posição fetal e fingir de morto. Acho que aí tem legitimidade para se defender, embora não me pareça ter sido este o caso.?Um professor de educação física é o único que pode agredir alunos de forma dissimulada. "Hoje é dia de luta greco-romana" diz o professor. Depois, chama o Martim para demonstrar à turma algumas técnicas. Nisto, entusiasma-se e parte a coluna do Martim em dois sítios, ficando o Martim tetraplégico e não podendo desta forma voltar a pegar no telemóvel e a desestabilizar a aula para os colegas. O professor diz que foi um acidente, leva uma reprimenda e fica tudo bem.Obviamente que um professor nunca pode agredir um aluno, ainda por cima menor, mas devia poder chamar os pais à escola e aviar neles pelo comportamento de merda do filho.?Pensemos pela positiva: antes um professor bater num aluno do que obrigar um aluno a bater-lhe.***PS: Relembro as últimas datas do meu espectáculo Só de Passagem:7 de Novembro -?Vila Real?-?>Clica aqui para bilhetes14 de Novembro?-?Évora?-?>Clica aqui para bilhetes15 de Novembro?-?Almada?-?>Clica aqui para bilhetes21 de Novembro?-?Covilhã?-?>Clica aqui para bilhetes23 de Novembro?-?Damaia?-?>Clica aqui para bilhetesObrigado a todos e ajudem a partilhar a mensagem./> Por Falar Noutra Coisa »