• iPhone 13 não terá uma das funcionalidades mais desejadas, diz rumor

    2 Novembro 2020 O iPhone 12 foi lançado oficialmente há menos de um mês. Mas como é habitual, os rumores sobre o seu sucessor já começaram a aparecer na internet, e não são propriamente animadores. Em tempos de pandemia, a Apple lançou o iPhone 12 com o Face ID como método principal de desbloqueio. Numa fase em que é primordial andarmos de máscara, ter o Touch ID embutido no ecrã ou no botão de ligar/desligar teria sido uma jogada certeira por parte da empresa de Cupertino. Rumor afirma que iPhone 13 não terá sensor biométrico no ecrã Mas a julgar pelo mais recente rumor, a Apple também não pretende colocar o sensor de impressões digitais no ecrã no iPhone 13. Este rumor foi avançado pelo leaker e analista de assuntos Apple, Jior?ku. First prototype of the 13 is basically a 12 with extra stepsI'll have more for you soon.Here's a teaser: No underscreen Touch ID as of now — Jior?ku ???? (@Jioriku) 1 de novembro de 2020 Deves ter em conta, no entanto, que este rumor surge a partir de um protótipo daquilo que será o futuro iPhone 13. E a marca ainda passará por vários protótipos até ter definido o produto final. Por enquanto devemos olhar com reservas para qualquer rumor que envolva o iPhone 13. Isto porque os primeiros rumores que efetivamente se tornaram reais em relação ao iPhone 12 só surgiram a partir de dezembro de 2019. Certamente há várias funcionalidades desejadas num futuro iPhone 13. E além do sensor biométrico, talvez o ecrã de 120Hz seja um dos que os entusiastas mais querem ver tornado realidade. Este poderá ser também o primeiro iPhone sem “portas”, mas isso é algo que só descobriremos dentro de vários meses. Editores 4gnews recomendam: Sondagem: Gostavas de ver mais smartphones topo de gama "Mini"? (idênticos ao iPhone 12 Mini) Apple já não pode culpar os outros se o iPhone 12 explodir AirPods Pro estão a dar problemas! Apple já lançou programa de substituição grátis 4gnews »

  • Xiaomi fez um carregador rápido para o iPhone 12 com um preço incrível

    2 Novembro 2020 A Xiaomi decidiu resolver um problema que os fãs da Apple e compradores dos novos iPhone 12 tinham. Assim sendo, revelou um carregador rápido compatível com o iPhone 12 e os seus 20W com um preço fantástico. Os novos iPhone 12 foram revelados de forma oficial e com eles uma notícia que nos deixou a questionar as decisões da Apple. A partir deste momento, os novos iPhones não chegarão com carregador nem EarPods. Xiaomi faz carregador compatível par ao iPhone 12 por apenas 5€ O carregador tem a potência de 20W de velocidade de carregamento. Além disso, segue a linha de design que a Apple nos costumava oferecer nos seus carregadores de parede. Brancos, minimalistas e o mais pequeno possível. Este carregador de parede é compatível com a maior parte dos smartphones no mercado que ligam via cabo USB-C. Porém, o público-alvo deste pequeno acessório é claramente os utilizadores do novo iPhone 12. 20€ mais barato que o carregador da Apple de 20W A Apple também vende carregadores de parede. Ou seja, deixou de os incluir nas caixas dos smartphones para os vender à parte. (O ambiente agradece, os utilizadores não). O valor do carregador de 20W da Apple é de 25€. Ou seja, 20€ mais que o carregador da Xiaomi e que é compatível com os iPhone 12. Infelizmente o carregador da Xiaomi ainda não chegou a Portugal e sinceramente é de esperar que o preço suba ligeiramente quando bater nas nossas lojas. Ainda assim, espera-se que seja uma boa solução para todos que precisam de um carregador de parede com carregamento minimamente rápido. Editores 4gnews recomendam: Huawei toma novas medidas para contornar as sanções dos Estados Unidos da América WhatsApp: esperada funcionalidade não será tão boa quanto previsto! Xiaomi mentiu em relação ao Mi 10 Ultra? Estudo diz que sim 4gnews »

  • Apple bloqueia reparações não-oficiais dos iPhone 12

    30 Outubro 2020 >/>A Apple reforçou a validação dos componentes, tornando praticamente impossível reparar um iPhone 12 fora de local autorizado.>Numa altura em que na Europa, e também nos EUA, os movimentos do direito à reparação (right to repair) vão ganhando protagonismo, a Apple decide seguir em caminho inverso, tornando ainda mais difícil - para não dizer impossível - reparar um iPhone 12. Como se não fosse suficiente que, ao trocar um ecrã de um iPhone 12 por outro de outro iPhone 12, se levasse com um aviso de que o ecrã "possa não ser legítimo" (embora o seja); a situação complica-se ainda mais quando alguém se aventura a trocar a câmara de um iPhone 12 para outro, pois nesse caso temos comportamentos bastante estranhos, com algumas >câmaras que nem sequer funcionam.>O que se passa é que a Apple aumentou o número de componentes no iPhone 12 que necessitam de ser registados oficialmente quando são substituídos, para que fiquem a funcionar bem, e que incluem coisas como a bateria, ecrã, e as câmaras.>/>Era algo que a Apple já exigia para componentes ligados à autenticação, como o sensor de impressões digitais no Touch ID ou a câmara frontal no Face ID; mas que no caso de ecrãs e câmaras traseiras, não faz qualquer sentido estar a restringir a substituição / reparação - e ainda mais quando se trata de uma empresa que diz estar a fazer tudo pela "sustentabilidade", algo que obviamente deveria passar também pela facilitação dos processos de reparação, para que os seus iPhone se possam manter funcionais durante mais tempo.Veremos se teremos que chegar ao ponto de ter que haver legislação europeia a exigir que se possam trocar componentes avariados de smartphones, sem que se tenha que pagar numa taxa Apple (neste caso) para que esses componentes possam funcionar devidamente (mesmo quando são garantidamente legítimos, como os que são retirados de outros iPhones). >> >> >> Aberto até de Madrugada »

  • iPhone 12: 4 acessórios essenciais para o teu novo smartphone Apple

    30 Outubro 2020 Com a chegada do iPhone 12 aqui a casa, vem também a necessidade de comprar alguns acessórios que o vão acompanhar na sua estadia. Pela primeira vez, a Apple decidiu não colocar carregador e auriculares na caixa. Mas além destes, há outros acessórios que considero essenciais para acompanhar o teu novo equipamento. 1. Carregador rápido para o iPhone 12/ 12 mini/ 12 Pro/ 12 Pro Max O teu novo iPhone 12 (independentemente do modelo que escolheste, tem a possibilidade de carregar de forma rápida, com fios, até 20W. Mas sem o carregador incluído na caixa, e vendido pela Apple por 25€, deixo-te outras alternativas que considero de grande qualidade. Carregador Baseus de 65W Carregador Aukey de 36W Carregador Belkin de 68W 2. Cabo de carregamento para o iPhone 12/ 12 mini/ 12 Pro/ 12 Pro Max O cabo para o novo iPhone 12 vem incluído na caixa. Mas como não é propriamente longo, decidi também trazer-te alternativas de cabos mais longos, e que considero terem uma boa construção. Carregador Lightning para USB-C AmazonBasics Carregador Lightning para USB-C Anker Cabo Lightning para USB-C Rampow 3. Capas para o iPhone 12 Se és daqueles que não dispensa uma boa capa no teu novo equipamento, deixo-te abaixo três boas opções. Estas é uma marca que considero de referência, e terás várias opções dentro da mesma. Capa Spigen para o iPhone 12 mini Capa Spigen para o iPhone 12 / iPhone 12 Pro Capa Spigen para o iPhone 12 Pro Max 4. Película (vidro temperado) para o iPhone 12 O novo iPhone 12 tem um ecrã com “ ceramic shield ”, produzido para ser mais resistente a quedas. Mas as primeiras impressões são de que pode ser mais suscetível a riscos. Seja ou não, não dispenso uma boa película de vidro temperado, e deixo-te abaixo alternativas. Película de vidro temperado para o iPhone 12 mini Película de vidro temperado para o iPhone 12 / iPhone 12 Pro Película de vidro temperado para o iPhone 12 Pro Max Se a tua vontade for adquirir uns auriculares totalmente sem fios, os AirPods ou os AirPods Pro serão a melhor opção para uma melhor integração dentro do ecossistema. Mas neste artigo podes encontrar outras soluções igualmente satisfatórias e mais baratas. Para carregar sem fios, o novo MagSafe é a solução para aproveitar os 15W. Mas por apenas 5€ podes comprar este carregador sem fios do Ikea, que te limita a 5W, mas que servirá perfeitamente. 4gnews »