• Financial Times spotlights Porto in the fDi's European Cities and Regions of the Future 2018/19

    15 Fevereiro 2018 />fDi - Intelligence Magazine, the reputable Financial Times publication in the field of business and FDI has just released the winners of the fDi's European Cities and Regions of the Future 2018/19 and the city of Porto is number 8 in the Mid-Sized European Cities of the Future 2018/19 ranking. Porto.pt »

  • Huawei vê-se envolvida em nova polémica nos EUA

    13 Fevereiro 2018 />A Huawei teria por certo elevadas expectativas para o seu negócio mobile nos EUA em 2018. O Mate 10 Pro tem sido alvo de rasgados elogios por este mundo fora, pelo que tudo parecia estar bem encaminhado para um novo ataque em força ao apetecível mercado Norte-Americano.>>/>Segundo as notícias vindas a público, primeiro a AT&T e depois a Verizon, acabaram por deixar cair a intenção de comercializar o Mate 10 Pro. Esta foi uma machadada inesperada, a qual foi veementemente reprovada pelo Sr Richard Yu, CEO do Consumer Business Group da Huawei, aquando da sua intervenção no CES.Goradas as expectativas de comercializar o Mate 10 Pro no mercado dos operadores (onde os contratos acabam por reunir a preferência dos americanos), a Huawei virou-se para o mercado livre.?Para dinamizar a divulgação do seu smartphone, a marca chinesa convidou os americanos ( via FB ) a candidatarem-se a testar o Mate 10 Pro, mesmo antes de este chegar às lojas. Para isso teriam apenas de dizer qual a razão que os levava a comprar este smartphone.?Até aqui tudo normal, o problema está no local escolhido para publicar os comentários, nada mais nada menos que a página de reviews do produto na loja Best Buy.Os americanos não estiveram de modas, toca de publicar comentários a referir que este Mate 10 Pro era o melhor smartphone do mundo e arredores, isto quando o equipamento ainda não chegou aos EUA. Claro que esta situação só poderia dar em asneira, como efectivamente veio a acontecer.>/>Dos comentários apresentados pelo >site que inicialmente divulgou a notícia, apenas um refere que a Huawei lhe cedeu o smartphone para testes fotográficos. Todos os outros, referem ter elevadas expectativas relativamente ao Mate 10 Pro (normal se o estão a considerar comprar) e alguns dos utilizadores, referem a sua experiência com outros smartphones da Huawei.Não sendo uma situação desejável, bem pelo contrário, está longe de ser aquilo que os sites americanos estão a apregoar de "reviews compradas". Sendo ou não verdade, o que é certo é que a notícia rapidamente se espalhou e o controlo de danos não foi o mais indicado:"Huawei’s first priority is always the consumer and we encourage our customers to share their experiences with our devices in their own voice and through authentic conversation. We believe there is confusion around a recent social media post reaching out to recruit new beta testers. While there are reviews from beta testers with extensive knowledge of the product, they were in no way given monetary benefits for providing their honest opinions of the product. However, we are working to remove posts by beta testers where it isn’t disclosed they participated in the review program."Não seria possível imaginar que alguém na estrutura da Huawei tivesse engendrado um esquema destes, mas o facto é que agora o mal está feito. A imagem da marca sofre novo revés, num erro de puro amadorismo, que nem à OnePlus já se admite, quanto mais a um peso pesado como a Huawei, que tem por objectivo chegar ao número 1 do mercado mobile.O sonho americano terá de ficar adiado mais algum tempo. Espera-se agora pelo MWC e sobretudo pelo >evento a 28 de Março, onde a nova série P será apresentada. >> >> >> Apps do Android »