• BlackBerry KEY2 recebe actualização com correcções e novo patch de segurança

    12 Outubro 2018 >/>As actualizações de segurança têm sido uma das bandeiras da BlackBerry, nesta sua aventura no mundo Android, agora pela mão da TCL. A actualização do Android para o KEYOne demorou muito mais do que seria desejável para um equipamento com este tipo de características, mas as actualizações de segurança foram sendo distribuídas a tempo e horas, excepto na fase de disponibilização do Android 8 Oreo. Resta agora saber como vai ser daqui para a frente, com o KEY2 já no mercado.>>/>>/>>/>>/>Este KEY2, estava ainda com um patch de segurança de Agosto, algo que já fugia ao compromisso assumindo pela dupla TCL/BlackBerry.A actualização que ontem foi disponibilizada para a Europa, vem corrigir esta situação, mas não da forma ideal, pois o novo patch não tem data de Outubro, mas sim de Setembro. Tendo em conta o atraso na disponibilização da actualização, seria expectável que o patch fosse o deste mês. Foi precisamente isso que aconteceu com o KEYOne, quando recebeu o Android 8 Oreo, com o patch de Setembro.Vamos acompanhar esta situação com particular atenção, pois será importante verificar a prestação da marca no que às actualizações de segurança diz respeito. Sendo este um dos pontos fortes dos smartphones BlackBerry, não será expectável outra coisa, que não um comportamento de excelência. >> >> >> Apps do Android »

  • A importância da comunidade na actualização do smartphone: Android ou MIUI, qual é os utilizadores preferem ver actualizado?

    11 Outubro 2018 >/>Android actualizado para a última versão, ou actualizações frequentes, com patch de segurança em dia? Qual será afinal a melhor opção para o consumidor?Estas são perguntas que não têm uma resposta simples e directa, mas nada impede que nos possamos debruçar sobre o assunto, até porque o problema das actualizações está longe de ter um fim à vista.>O Redmi Note 4(X), foi um dos smartphones Xiaomi que mais sucesso obteve no mercado, de tal forma que a marca chinesa optou por reutilizar o seu hardware em outros smartphones lançados posteriormente. Esta tem sido uma política habitual na Xiaomi, que vai lançando novos smartphones, sem mudar a base do hardware do equipamento.A MIUI 9.5 >chegou em Março deste ano e as actualizações com os patch de segurança, têm sido disponibilizadas de forma regular, com o Redmi Note 4 a ter nesta altura um patch com data de Setembro. A MIUI 10 está a caminho, mas ainda sem data prevista para chegar a este smartphone,??>lançado em Setembro de 2016, tendo por isso já dois anos de mercado.>/>>/>Nesta questão da MIUI, há que ter um aspecto em atenção, pois a Xiaomi actualiza muitos modelos para a última versão da MIUI, mas mantém a versão do Android. No caso deste Redmi Note 4, temos ainda o Android Nougat e a actualização para a MIUI 10, não deverá alterar estar situação.É uma situação que acaba por não ser uma novidade no mundo Xiaomi. Os utilizadores saberão à partida, que o compromisso da marca é com as actualizações da MIUI. A versão do Android é um aspecto acessório, não sendo por isso considerado prioritário para a marca chinesa.O sucesso do Redmi Note, abriu-lhe várias portas, com a comunidade de developers a dedicar uma particular atenção a este smartphone, disponibilizando várias Custom ROM para o mesmo. Há opções para todos os gostos, com várias versões estáveis baseadas no Android 8 Oreo, >como é o caso do LineageOS 15.1.Há inclusivamente >ROMs baseadas no novo Android 9 Pie, mas ainda numa fase inicial de desenvolvimento, não sendo por isso a melhor opção para quem pretende utilziar o smartphone no dia a dia.Um smartphone com uma elevada comunidade de utilizadores e developers, acaba assim por ser uma boa opção, para quem pretende um smartphone actualizado durante um longo período de tempo. No caso deste Redmi Note 4, o utilizador acaba por ter uma vantagem acrescida, pois a Xiaomi continua a suportar o equipamento, se bem que, sem actualizar a versão do Android. >> >> >> Apps do Android »